Porque o mais provável é ninguem ligar ao que tens a dizer...

quarta-feira, janeiro 18, 2006

vícios

Uma boa justificação para começar a ter maus vícios é o stress. O tabaco então é o vício, provavelmente com maior número de adeptos. Outros como roer as unhas, ir para as compras gastar dinheiro como se de uma terapia se tratasse, comer descontroladamente até “rebentar”. Estes e muitos mais vícios existem. Todos eles com a particularidade de não terem nada de positivo, de serem nocivos e mesmo assim conseguem ter o efeito de nos fazer sentir melhor.
Eu própria tenho os meus vícios, mas pus-me a pensar no porquê das pessoas encontrarem um abrigo e se sentirem relaxadas com acções que lhes são prejudiciais?
Não sei explicar, mas partilho também dessa sensação.

Porquê fumar para relaxar, a nicotina terá algum efeito secundário de relaxamento para além de encher os pulmões de fumo? Comer até "rebentar as costuras" e sentir vontade de vomitar é relaxante? Estoirar o dinheiro nas compras e encher o armário de roupa e comer sopinhas o resto do mês é terapêutico? Roer as unhas até à carne e provocar feridas que ardem como o caraças, será relaxante?

Não tenho explicação científica para isto, mas parece que o ser humano tem uma tendência auto-destrutiva para fazer sentir-se melhor. Trocando por miúdos: quanto pior, melhor!!!Antagónico? Absolutamente!

 
Free Web Site Counter
Hit Counter