Porque o mais provável é ninguem ligar ao que tens a dizer...

sexta-feira, dezembro 30, 2005

2.89 não...foi mais 3.6!!!

Há uma série de factores que penso que devem ser tidos em conta em relação ao trágico acidente ocorrido no passado dia 23 que provocou a morte de cinco turistas.

Primeiro: o motorista não tinha - tal como foi avançado pela PSP após o teste de alcoolemia - 2.89 gramas de álcool no sangue, mas sim 3.6, como depois viria a ser confirmado em futuras análises realizadas mais tarde no Hospital Central do Funchal.

Segundo: Uma bebedeira tão grande nunca mais poderia ter sido "apanhada" apenas durante o almoço, (recorde-se que o acidente ocorreu às 14:15, logo após os turistas terem almoçado no restaurante Quebra Mar em São Vicente).
O que quer dizer que quando o autocarro saiu do Funchal, o motorista já ia alcoolizado -e não devia ser pouco.
Ah, é verdade, o homem não almoçou em São Vicente. Nem neste restaurante nem em nenhum dos outros por opção pessoal...O que só por si já é bem suspeito.

Terceiro - Qual foi o papel da guia nisto tudo??Não se terá apercebido de que este não estaria em condições de fazer a viagem Funchal-São Vicente. Não poderia esta se recusar em fazer o passeio - que pôs em risco a vida de 53 turistas - atendendo ao estado do condutor?
Só se o homem está tão habituado a beber que não se nota...

PS:Aproveito para desejar um óptimo 2006 a todos os que se dignam a ver este espaço de opiniães.

PPS: Prometo voltar a "postar" com mais regularidade daqui para a frente. Fiquem bem!



sábado, dezembro 24, 2005

Porque é tempo de Natal:

caros camaradas blogueiros e demais leitores (caso existam....), Feliz Natal, Hare krishna, Kumba yalá e etc e tal , mas acima de tudo felicidade e um 2006 cheio de Manuel Alegre! Ou não...

quarta-feira, dezembro 14, 2005

Passados 8 dias.

Como foi possivel ter deixado passar em branco no blog a vitória do Benfica contra o Manchester?! Não sei, mas inadmíssivel para quem se considera uma benfiquista ferranha!
Um passo de cada vez, assim vamos escalonando a Liga dos Campeões. Sem grandes expectativas, mas sempre acompanhados de um grande nome que faz do Benfica a Instituição que é!
Espero que a febre de euforia não contagie nem adeptos nem jogadores porque a competição continua e agora vai "doer" bem mais, uma vez que só grandes equipas estão em competição. Todas as grandes equipas europeias de que se lembrem dizer o nome são potenciais equipas para defrontar o Benfica.
Contudo e relativamente ao jogo da passada 4ª, o resultado foi merecido, o colectivo esteve todo ele muito bem, muito articulado. E não esqueçamos que defrontámos a equipa principal do Manchester e não a da primeira volta em Inglaterra desfalcada.

Um aparte e não podia deixar de mencionar o "dedo" e "escarro" de Ronaldo que também fizeram parte do espectáculo. Atitude indigna e muito feia para alguém que representa e é um símbolo do português lá fora.

Sabem aquele anúncio do Ronaldo que está no Marquês de Pombal em grande plano, em que o jogador está vestido com uma camisola da seleção segurando na mão um cartão do Banco Espírito Santo? Eu acho que em vez do cartão deviam de pôr a foto dele a exibir o dedo a todos aqueles que passam pelo Marquês!!!

domingo, dezembro 11, 2005

Discriminação até nas tragédias.

Em conversa com um amigo, falávamos da actualidade e inevitavelmente fomos parar ás tragédias que se têm sucedido neste século XXI. Chegámos à conclusão que algumas tragédias são mais noticiadas que outras.
Quando as coisas acontecem em países desenvolvidos os noticiários dispendem muito mais do seu tempo de antena ácerca do sucedido. Ou então quando a desgraça ocorre em sitios onde o turismo é grande, onde os turistas dos ditos países desenvolvidos vão passar férias.
Estou a referir-me ao Tsunami na Ásia e por exemplo ao "Katrina".

Mas e o que se passou nos Himalaias? Não merecerá a atenção do Mundo? Morreram cerca de 73 mil pessoas e mais de 3 milhões foram afectados nos países à volta dos Himalaias, nomeadamente no Paquistão, India e Afeganistão. O sismo com magnitude de 7.6 na escala de ritcher para além dos imensos estragos que provocou, parece ter ocorrido na pior altura do ano, uma vez que o inverno está a começar. Os casos de hipotermia, de pneumonia e todo o tipo de infecções respiratórias começam a surgir. Estas pessoas não têm para onde ir, dormem ao relento tentando suportar a chuva e a neve da melhor modo que sabem. O número de vítimas mortais pode subir nesta fase pós terramoto por carência de meios e pelo inverno que este ano chegou mais cedo.

Infelizmente até nas tragédias parece haver discriminação!

Numa tentativa de ajuda fica então aqui o número de conta e alguns dos contactos para quem quiser ajudar:
I- A embaixada paquistanesa em Lisboa abriu uma conta no Milénio cujos fundos serão canalizados para a President's Relief Fund Account: 45282737078;
II-Através da conta da Cruz Vermelha: 6-3601093000001;
III- Através do site de refugiados da ONU, onde se pode fazer doações de forma mais segura e on line: www.unhcr.ch;

 
Free Web Site Counter
Hit Counter